652521248721415 652521248721415
Valores organizacionais: descubra a sua real importância

Fábrica RH

maio 6, 2021

06/05/2021

categorias: Cultura

Valores organizacionais é o tipo de tema que ganha um bom espaço no site. Você provavelmente já viu eles aparecendo junto com a missão e visão da empresa, certo?

Se nunca viu, vale a pena fazer o teste agora. Acesse um site qualquer, procure a aba “sobre nós” e veja o que aparece.

Pois é… Mas fora isso, o que mais as organizações fazem para abordar esse tema junto aos colaboradores? Muito pouco.

Para quê servem os Valores Organizacionais? 

Primeiramente, vale destacar que os valores organizacionais fazem parte do DNA da empresa.

Isso mesmo! São os valores que direcionam a estratégia da empresa e seu jeito de ser.

Se a minha empresa valoriza a inovação, por exemplo, certamente esse valor estará presente em todos os cantinhos: em produtos inovadores, em um escritório cheio de espaços diferentes, mais flexibilidade nos horários de trabalho… e por aí vai.

Agora imagina contratar uma pessoa que tem bastante experiência na área, mas que não tem o valor de inovação? Uma pessoa que não vê sentido nas mudanças, no fazer diferente, no sair do tradicional que já funciona bem…

Resultado: A incompatibilidade entre o colaborador e empresa pode ser muito desmotivadora, gerar turnover e impactos negativos na produtividade. Em outras palavras: ninguém sai ganhando nessa história.

Mas e se as empresas mostrassem mais os seus valores? O que aconteceria?

Vantagens ao abordar Valores

São muitas vantagens, mas selecionamos três principais:

👉ATRAÇÃO DE TALENTOS: Uma empresa que reconhece e comunica seus valores, certamente vai atrair colaboradores que se identificaram com o discurso. Ou seja, você deixa de atrair os profissionais que estão em busca somente do emprego e passa a atrair profissionais conectados com o propósito e DNA da sua empresa.

👉 RETENÇÃO DE TALENTOS: Conhecer os valores da empresa gera identificação e aproximação entre o novo colaborador e a empresa, garantindo maior retenção dos talentos. Lembrando que retenção não é só ficar na empresa, mas se manter produtivo e motivado.

👉 ALINHAMENTO EM RELAÇÃO À CULTURA: Todos os colaboradores precisam ter clareza dos valores que regem as decisões do dia a dia, assim, estarão alinhados ao jeito de se trabalhar da empresa. No trabalho presencial, isso acontecia com mais facilidade, mas no trabalho à distância, acompanhar esse alinhamento se torna uma tarefa ainda mais importante e que impacta diretamente na produtividade da equipe.

Será que sua empresa está aproveitando todas essas vantagens?

Fizemos um material com os 5 erros comuns ao abordar valores na sua empresa. Pegue uma caneta e papel e descubra se você comete algum desses erros:

https://jogos.fabricarh.com.br/f-ebook-5-erros-valores

Valores organizacionais estão em alta  

Esse tema está em alta. Para você ter uma ideia, na pesquisa “Tendências do Onboarding pós-pandemia” (feita pela FábricaRH), 83% dos respondentes disseram que o principal objetivo do Onboarding é disseminar a cultura e valores da empresa. Acredita??

Ou seja, 8 em cada 10 empresas dizem que VALORES será o conteúdo mais importante do Onboarding no pós-pandemia!

Caso queira conferir outros insights da nossa pesquisa, baixe o relatório completo: https://jogos.fabricarh.com.br/pesquisa-onboarding-pos-pandemia

Mas por que será que esse tema ganhou tanta importância?

Em conversas com profissionais de RH, temos visto que no formato de onboarding virtual ficou mais difícil integrar as pessoas. E o principal indicador é turnover alto logo no primeiro ano.

“Algumas empresas sentem que a dificuldade de fazer onboarding logo na chegada do novo colaborador está refletindo em gente saindo nos primeiros 3 meses” – Flávio Yoshimura, sócio-fundador da FábricaRH

Mas como mudar esse cenário? Resposta: reforçando a cultura organizacional e valores!

A cultura da empresa é o que faz um colaborador se identificar com seu jeito de pensar e funcionar. É o que faz a pessoa querer ficar em uma empresa e apostar nela.

Sendo assim, podemos concluir que esse tema merece mesmo um belo de um espaço na empresa. Seja no Onboarding, apresentando os valores para quem está chegando ou então para todos os outros colaboradores, como forma de reforçar o alinhamento entre funcionários e empresa.

Mas como fazer isso à distância? Será que explicar os valores ou dar exemplos práticos é suficiente?

Disseminando valores à distância  

Não é suficiente. E já vamos te explicar o porquê.

No trabalho presencial, os valores e cultura da empresa são percebidos no dia-a-dia. Na forma como a empresa de organiza, na distribuição das mesas, nas conversas de corredor, na cafeteria, na decoração da empresa, no clima das reuniões e até no happy hour.

Mas e quando o colaborador trabalha à distância e tudo o que ele vê é a tela de computador?

Usar a gamificação é um caminho que gera engajamento com o assunto. E nós queremos te apresentar um case da FábricaRH.

https://jogos.fabricarh.com.br/f-ebook-fit-cultural

Não há caminho para a internalização dos valores que não passe pela conexão do seu significado em nível pessoal. Ou seja, é preciso criar uma experiência onde os colaboradores possam se conectar com aqueles valores. E para isso, você terá que ir além do discurso.

Para garantir que os colaboradores vão se envolver com a cultura da empresa, é preciso fazer uma atividade interessante e em grupo. Somente a troca, o diálogo e a interação entre os participantes permite isso.

É o que fizemos no Reino de Olela, um jogo criado para a empresa Alelo. No jogo, os participantes mergulham em um Reino com uma cultura única e devem avaliar se um dos novos moradores – o Sr.John – vai conseguir se adaptar nessa realidade. Para saber mais, baixe o ebook. 

Concluindo, se antes o tema cultura era um “Nice to Have”, agora ele se tornou estratégico para a empresa. É gerando identificação que o colaborador, mesmo à distância, cria vínculos com a empresa.

Saiba mais sobre a FábricaRH

Por fim, aqui na FábricaRH, nós acreditamos muito no poder dos jogos e gamificação.

Então se você tem uma demanda na sua empresa, mas não sabe como transformar em um jogo que diverte e engaja, conte com a gente!

ENVIE UMA MENSAGEM PARA NÓS

 

VOLTAR PARA BLOG 

Você também pode querer ler

Teambuilding online: use jogos para reunir o time

Teambuilding online: use jogos para reunir o time

Em tempos de home office e distanciamento social, como garantir que sua equipe está cooperando? Se você tem esse desafio na sua empresa, esse texto é para você. Nele, vamos te apresentar algumas formas de integrar sua equipe com atividades de teambuilding online. Boa...